Direita Potiguar sem triunvirato para ferrar tudo!

 


Texto por Ricardo Pina

Nesse fim de semana a Direita Bolsonarista do Rio Grande do Norte mostrou a nós da Direita Paraibana o quanto estamos perdidos, sem projetos, sem foco e guiados por líderes doentes!

Esse fim de semana, o que me deixou feliz e triste ao mesmo tempo foi saber que a Direita Potiguar tem uma liderança preocupada com futuro da Direita no seu Estado e que para a resguardar, lançaram um movimento chamado  "Academia Brasileira de política conservadora".

O lançamento contou com as presenças do presidente de honra da legenda, Jair Bolsonaro,  presidente do partido no Rio Grande do Norte, Rogério Marinho, e de outras lideranças no estado. 

Com a iniciativa lançada, o PL inaugura um novo capítulo no panorama político e cultural do Brasil, oferecendo uma plataforma para que as vozes liberais conservadoras sejam ouvidas e contribuam de forma significativa para o debate nacional.

E aí Deputados  Cabo Gilberto e Vírgulino, que legado vocês têm construído para a Direita Paraibana?

O que temos na Paraíba é um Trio que não olha para Direita Paraibana com perspectivas de formar líderes, de estabelecer crescimento da causa conservadora! Única coisa que os três têm mesmo de meta é o interesse próprio.

Queiroga entra em cena na Direita paraibana, trazendo para nós dos movimentos sadios da Direita Bolsonarista uma esperança de renovação e oxigenação de ideias.


Recebeu esta mensagem de alguém e quer que as notícias do Sem Arrudeio cheguem no seu WhatsApp?

Inscreva-se em nosso grupo CLICANDO AQUI!

Comentários

  1. O problema do Cabo Gilberto é que ele quer ser o novo Comandante na política paraibana, dentro da Direita e do bolsonarismo. Que para tanto intenta contra o presidente estadual do PL no estado, afim de tentar demovê-lo do posto de líder do partido no estado. Quando eles propalam que o PL paraibano tem dono (se referindo ao Wellington Robeto), querem dizer que são eles quem tem que ser os novos donos da legenda. Não aceitam nem o Comando do Bolsonaro, como nosso líder político maior? É por essa e outras que o Jair tem sempre um pé atrás em relação aos paraibanos, exatamente porque padecemos da Síndrome do Julian Lemos..

    ResponderExcluir

Postar um comentário